3 meses atrás

Drinks e séries no mesmo livro: não poderia dar errado

por Imaginarium

Sim, a gente fez um livro com duas outras coisas que a gente AMA: drinks e séries. Aí você deve tá pensando: o que uma coisa tem a ver com a outra? A resposta tá aí: o livro Spoiler.

40 drinks para transformar sua maratona

Então atenção pro spoiler: este livro contém receitas de drinks que até o Jon Snow conseguiria preparar e que vão garantir o sucesso absoluto da sua maratona. São 144 páginas recheadas com drinks autorais e remakes de clássicos para preparar antes da contagem regressiva para o próximo episódio. E tem os extras: bingos, trívias e drinking games temáticos para aumentar a dose de diversão. Suas maratonas não serão mais as mesmas depois desse livro…

Quem escreveu foi Ana Bandeira foi quem escreveu, a Flavia Schwantes fez as fotos e o criador dos drinks foi Drew Roza – e foi ele quem contou mais sobre como começou a se interessar por drinks:

Sempre tive conhecidos que tinham bandas. Por causa disso, mesmo menor de idade, entrava escondido nos bares para ver meus amigos tocarem. Foi assim que eu me apaixonei pela vida noturna e a diversão que é passar bons momentos em bares. Trabalhar com drinks veio ao natural. Nas rodinhas e festinhas em casa ou aniversário de amigos, sempre fui o encarregado por fazer as caipirinhas ou qualquer tipo de mistura que a galera ia tomar. Esse hobbie foi se tornando paixão até eu decidir viver profissionalmente disso e dizer com orgulho que sou um bartender.

Como foi escrever um livro para imaginarium + belas letras?

Foi uma etapa muito divertida. Acredito que é algo de grande responsabilidade. Ele precisa transmitir algo. O que eu queria passar é uma linguagem que fosse possível até pra pessoa mais leiga conseguir fazer um drink saboroso e divertido. Tentei mesclar técnicas mais elaboradas com uma apresentação de fácil compreensão.

“Desde 2009 eu sou cliente frequente da Imaginarium porque acredito que ela representa muito a criatividade, a saída do comum, quando se tratava de presentes. Saber que teria contribuído para um livro e ele seria vendido numa das minhas lojas favoritas foi uma das melhores noticias que eu recebi”

E, ó, ele ainda contou que rolou muito mais coisa legal por conta do livro:

Quando criamos o drink County General (que está na pagina 36) e deu muito o que falar. Foi assunto em vários sites especializados em coquetelaria. Por causa disso, me convidaram para assistir o maior evento de coquetelaria do ano em São Paulo. Foram bartenders de todos os cantos do Brasil e estrangeiros também. Neste evento, tiveram palestras e workshops apresentados pelos maiores nomes da área. Em certo momento, sem que eu soubesse, um dos palestrantes usou o meu drink como referência de “conceito inovador” e explanou sua tese para o salão inteiro. Foi muito emocionante sabe que eu tinha contribuído para algo legal, nem que fosse apenas uma mudança de pensamento.

E um recado que ele mandou pra vocês:

Sou muito fã de drinks e seriados. Mas assistir uma série ou beber um drink sozinho não tem a mesma graça que fazer uma bagunça de galera. Então, para todos que curtirem o livro, compartilhe com os amigos. Busque estar sempre perto deles. Se o livro ajudar nisso, melhor ainda!

Posts relacionados:

Comentários: