9 meses atrás

Dicas de viagem pra aproveitar 100% o rolê

por Imaginarium

Viajar é bom demais e é difícil achar alguém que não gosta, né? Muita gente não vê a hora de pegar umas férias pra botar o pé na estrada e dar um rolê pelo estado, pelo país, pelo mundão. Afinal, não tem coisa melhor do que uma boa viagem pra dar aquela pausa na correria do dia a dia e recarregar as energias.

Você pode ser do tipo que planeja com meses de antecedência c-a-d-a detalhe da viagem, quais restaurantes vai comer, quanto vai gastar por dia, quais locais vai visitar e com quem vai… Ou também pode ser daquele tipo que só compra a passagem – ou prepara o carro -, e joga todo o resto pro universo decidir, deixando pra resolver tudo na hora (coragem, tem gente que tem coragem).

Seja qual for seu tipo de rolê, sabemos que programar uma viagem pode nem sempre ser mil maravilhas, e é por isso que a gente te dá aquelas dicas espertas pra aproveitar 100% da trip e não desanimar, mesmo quando surgirem os famosos perrengues pelo caminho. Chega mais!

Pé na estrada sozinha, sim!

Se é pra falar em viajar sozinha, vamos combinar que tem suas vantagens. Você planeja seu roteiro pensando no que mais te interessa, vai pra onde bem entender, segue seus planos (ou muda de planos quando quiser), conhece pessoas e faz novas amizades, mergulha por inteiro na experiência do local se sentindo praticamente nativa.

A gente sabe que, quando se viaja sem uma companhia, é preciso tomar alguns cuidados pra se sentir mais confiante e ter uma viagem tranquila, se sentindo segura. Mas apesar de algumas precauções a serem tomadas, o mundo está em 2018 e já é tempo de reafirmarmos nossa independência.

O fato é: viajar sozinha é um momento de aprendizado e descoberta, uma oportunidade única de autoconhecimento que vale a pena experimentar.

Viagem em grupo sem treta

Por outro lado, viajar com a galera pode ser muito divertido, se todo mundo estiver na mesma vibe. Só não vale aquela história de cada um querer ir pra um lugar diferente, em horários diferentes, e no fim das contas a viagem acabar em treta e ninguém se divertir, né?

Mas e quando a gente não acha um grupo de amigos que curte as mesmas coisas e não tá afim de viajar sozinha? Tem jeito? Tem!

Uma alternativa muito legal pra quem quer buscar parceiros de viagem com gostos e objetivos em comum é participar de movimentos como o meet up. A ideia é encontrar pessoas que estão na mesma vibe que a sua, seja pra uma viagem de férias ou de trabalho, indo pro mesmo destino. O melhor disso tudo é poder fazer amizades pra viagem – e, quem sabe, pra vida! Porque a gente sabe que viajar é uma experiência transformadora e conecta pessoas de um jeito muito bacana.:)

Viagem planejada! Mas e se chover?

Nem sempre é simples organizar uma viagem, seja pelo planejamento do orçamento ou do roteiro. Viajar sozinha ou com os amigues? Um mochilão passando pelo maior número de lugares possíveis? Ou aquela viagem de imersão, vivendo a cultura de um único lugar durante toda a viagem?

As decisões são muitas. Mas e quando tá tudo planejado, roteiro organizado, orçamento em dia, e, durante a viagem, o tempo fecha? Quando a previsão do tempo vira e os planos vão todos, literalmente, por água abaixo? Você vai sentar no quarto do hostel (ou do hotel cinco estrelas, quem sabe você é uma Kardashian) e chorar? Nada disso! Nem tudo tá perdido, bora salvar esse rolê! Afinal, a viagem já tá rolando e o importante é aproveitar ao máximo.

Rolê gastronômico: Tem coisa melhor que experimentar comidas e bebidas típicas nos lugares que visitamos? Imagina só ter a chance de provar um acarajé autêntico no Nordeste brasileiro, um pretzel na Alemanha ou ainda aquela famosa costelinha com barbecue na Austrália. Vale a pena traçar um roteiro gastronômico pra conhecer as melhores comidinhas que o lugar tem pra oferecer, e se sentir um pouquinho parte da cultura local.
Rolê artístico: Visitar museus e galerias de arte pode não ser o programa preferido de alguns viajantes, mas ter a oportunidade de conhecer obras famosas enche os olhos dos apaixonados por arte. É bom ficar de olho na programação local de shows e atrações típicas (ai ai, aquele show de tango em Buenos Aires <3), visitar exposições, museus, galerias, ou ainda tirar mil fotos da arquitetura local pra lotar o feed do insta – prepara a câmera!

E pra não faltar NADA pra esse rolê ficar completo, a gente tá cheinho de coisas legais pra você levar na viagem. Espia aqui ou na Imaginarium mais próxima. ;)

Posts relacionados:

Comentários: